Passeios Guiados e Roteiros de Viagem

napoles onde ficar

Onde Ficar em Nápoles [2024]: Melhores Áreas e Quais Evitar

Vai para Nápoles mas ainda não sabe ou decidiu onde ficar? Nápoles é a terceira maior e mais populosa cidade da Itália, depois de Roma e Milão, respectivamente.

Nesse post vamos fazer com que você possa escolher onde ficar em Nápoles e compreender as principais diferenças entre as áreas onde se hospedar.

A cidade tem uma atmosfera única. Ela se debruça sob o Mar Mediterrâneo e o Golfo de Nápoles, onde vemos ao fundo o relevo do Monte Vesúvio com o seu vulcão.

Por ali, passaram grandes culturas e civilizações antigas, as mais marcantes, os gregos e os romanos. Nos séculos 16 e 17 Nápoles esteve sob domínio da monarquia espanhola.

Os napolitanos são extremamente agradáveis, alegres e amigáveis, a comida é deliciosa, e Nápoles é a “pátria da pizza”. Aliás, as melhores pizzarias espalhadas pelo mundo afora, quase sempre são de pizzaiolos de origem napolitana.

Aqui você vai encontrar dicas práticas e certeiras para saber onde ficar em Nápoles. Para facilitar a sua busca de uma hospedagem em Nápoles, considero interessante dividir em tópicos:

  • Centro Histórico e Quartieri Spagnoli
  • Lungomare e Chiaia
  • Vomero e Posilillipo: bairros residenciais elegantes nas colinas de Nápoles
  • Lugares a evitar: Estação Central e beira-mar do Porto de Nápoles
  • Sorrento: opção para quem não quer ficar em Nápoles

Vamos às dicas, mas antes veja um mapa da cidade de Nápoles:

Onde ficar em Napoles com praticidade: Centro Histórico e Quartieri Spagnoli

Pessoalmente, esta é sempre a minha escolha preferida quando para hospedagem em Nápoles. Acho que pode ser uma boa opção para quem visita Nápoles pela primeira vez e/ou quer ficar bem perto de tudo.

Hospedar-se no Centro Histórico de Nápoles

Nápoles possui um dos mais extensos e populosos centro históricos da Europa, declarado Patrimônio Mundial da Unesco. Ali há uma mistura interessante de várias arquiteturas: um grande labirinto de ruas estreitas, casas antigas, palácios e igrejas barrocas.

Para quem está em dúvida sobre onde ficar em Nápoles, aqui é possível mergulhar diretamente na história e na cultura da cidade: é onde ficaa Catedral, a Piazza Dante, o Batistério de San Giovanni in Fonte e o famosíssimo Bar Gambrinus.

Na Cappella Sansevero está uma das esculturas mais requintadas da arte italiana: a estátua do Cristo Velado: o sudário de mármore de Cristo esculpido de maneira tão delicada, retratando vividamente o corpo ainda sofredor sob o véu.

Ficar em um hotel em Nápoles, localizado no centro histórico, permite fazer exatamente tudo a pé:

Para terminar, aqui nessa área ficam também algumas das melhores pizzarias de Nápoles, inclusive a L’Antica Pizzeria da Michele, que ficou famosa com o filme Comer, Rezar, Amar.

Dicas de hospedagem no Centro Histórico de Nápoles

Onde ficar em Nápoles nos Quartieri Spagnoli

onde ficar em nápoles quartieri spagnoli

Quartieri Spagnoli são uma parte do centro histórico muitíssimo pitoresca e caracterizada por várias ruelas estreitas. Os bairros nasceram como “quartéis militares” para a guarda espanhola.

O maior dos quartieri spagnoli se chama Quartiere Montecalvario, e também tem uma parte dos quartieri em San Ferdinando e Avvocata.

Essa já foi uma área bem perigosa e mal afamada da cidade, mas hoje é bem mais tranquila, principalmente nas imediações da Via Toledo.

A Via Toledo é a principal rua avenida de compras da cidade, e uma das principais vantagens para quem está em dúvida sobre onde ficar em Nápoles, é saber que aqui chega o metrô: a parada mais próxima é a estação Toledo.

Hotéis em Nápoles nos Quartieri Spagnoli

1811 residenza storica (4 estrelas) – VEJA MAIS AQUI

Real Giardinetto a Toledo (3 estrelas) – VEJA MAIS AQUI

Hotel Toledo (3 estrelas) – VEJA MAIS AQUI

Vomero e Posillipo: bairros residenciais elegantes nas colinas de Nápoles

Nápoles é uma cidade portuária, onde inclusive é possível embarcar para Capri, e é cercada por várias colinas como Vomero, Posilippo, Capodimonti e Camaldoli, talvez para citar algumas das mais famosas. Inclusive, em Capodimonte fica um dos mais importantes museus napolitanos.

Hospedagem no Vomero: bairro elegante com vista pra cidade

Visitei o bairro do Vomero a primeira vez há mais de 24 anos, curiosamente, o proprietário do primeiro apartamento que aluguei em Roma era um magistrado que morava lá.

Fui até o local assinar o contrato de aluguel, e fiquei simplesmente boquiaberta com a beleza do lugar, mas com as vistas que do alto da colina nos permitiam ver toda a cidade de Nápoles.

Depois, em outras visitas à cidade retornei ao bairro, porque no Vomero há ótimos restaurantes e eu sempre gosto de ir até as colinas para ver a cidade do alto.

O Vomero é um bairro de classe média alta, bem afastado do vai e vem do centro da cidade, mas tem uma vantagem além da vista: o metrô chega até lá, senão você pode subir ou descer com a  funicular.

Imperdível no Vomero é o Castelo de Sant’Elmo e o mosteiro hoje conhecido como Certosa di San Martino, de onde pode-ser vistar estonteantes da cidade.

Dicas de hotéis no Vomero:

Gentile Relais (4 estrelas) – VEJA MAIS AQUI

Residenza d’Epoca Chiostro San Francesco (4 estrelas) – VEJA MAIS AQUI

Hotel Cimarosa (3 estrelas) – VEJA MAIS AQUI

Posilippo: bairro elegante e seguro

Posilippo é considerada uma das áreas mais seguras para se hospedar em Nápoles, além de ser um bairro “upper class”.

Essa parte da cidade foi colonizada pelos gregos _que a chamaram Pausylippon (pausa contra o cansaço) há cerca de 2.000 anos, e depois quem dominou o lugar a partir do 1 séc a.C., foram os romanos, que construíram aqui grandes vilas com vista para o mar. Inclusive há visita a uma área arqueológica antiga.

Para quem gosta de história e de literatura, Posilippo é o lugar onde nasceu o poeta Virgílio Ovídio. Quem já leu a Divina Comédia, sabe de quem estou falando!

Aqui também há várias enseadas com praias, onde ao fundo tem-se uma linda vista do vulcão Vesúvio.

Dicas de hospedagem em Posilippo

Knight House (4 estrelas) – VEJA MAIS AQUI

HV Suites Pausilypon (3 estrelas) – VEJA MAIS AQUI

Primo Piano Posilippo (3 estrelas) – VEJA MAIS AQUI

Mais dicas onde ficar em Nápoles: Lungomare e Chiaia

Lungomare quer dizer literalmente beira-mar. Para quem gosta de ficar de frente para o mar esta pode ser uma boa alternativa.

O melhor trecho é o Lungomare Caracciolo/Riviera Chiaia que fica imediatamente colado no bairro Chiaia.

Nessa parte de beira-mar estão localizados alguns dos melhores hotéis da cidade, é uma parte bem tranquila onde se hospedar.

Já a parte mais interna desse ponto, o bairro Chiaia, tem a principal avenida (Via Chiaia) fechada ao trânsito, e ali há ótimos restaurantes, parques, bares, lojas da moda e é uma parte bem legal mesmo da cidade. Por ali estão algumas das melhores pizzarias da cidade.

Dicas de hotel no Lungomare Caracciolo e em Chiaia:

Palazzo Satriano (3 estrelas) – VEJA MAIS AQUI

Poerio 25 Boutique Stay – VEJA MAIS AQUI

Pinto Storey Hotel (3 estrelas) – VEJA MAIS AQUI

Onde ficar em Nápoles perto do aeroporto

Muitas cidades da Itália e da Europa voam de/para o Aeroporto de Nápoles (Capodichino), que dista cerca de 25 minutos do centro da cidade.

Caso você só precise de uma cama limpa para dormir, aconselho o Bed&Boarding, um quarto- cápsula que fica dentro do terminal de embarque.

Vale a pena reservar um hotel em Nápoles perto da Estação Central ou do Porto de Nápoles?

Ficar perto da estação central pode ser cogitado por quem quem busca onde ficar em Nápoles, porque na verdade o seu destino não é ficar na cidade, mas ir para a Costa Amalfitana ou Capri

No entanto, preste bastante atenção às minhas dicas…

Apesar de não ser exatamente um lugar perigoso, essa é uma área “meio feinha e meio estranha”, não passa a ideia de segurança.

Acho também que à noite essa sensação de insegurança aumenta.

Portanto, caso você decida se hospedar ali por perto, fique bem atento(a) aos seus pertences.

Quanto à hospedagem perto do Porto de Nápoles… apesar de também ser super prático para quem vai embarcar nos ferries para Capri, Costa Amalfitana, Procida, etc… eu achei a área bemmm estranha à noite.

Estacionamos nosso carro no porto, quando chegamos ao hotel, a primeira coisa que o recepcionista perguntou era se deixamos algum pertence no carro e se tínhamos deixado o carro na rua ou em um estacionamento pago e controlado.

Detalhe: nosso hotel nem ficava no porto, só deixamos o carro lá porque no dia seguinte embarcaríamos para Capri.

Se puder evitar se hospedar nessa parte da cidade, melhor ainda.

Onde ficar em Nápoles para quem está viajando de carro

Já viajei várias vezes de carro para Nápoles, quando meu destino final era mais ao sul da Itália, mas eu queria dormir 1 ou 2 noites na cidade.

Primeira coisa a saber: grande parte do centro da cidade é uma ZTL (Zona di Traffico Limitato/Área de Tráfego Limitado), o que significa que somente moradores e comerciantes têm autorização para estacionar.

Se você for ficar no centro histórico ou Quartieri Spagnoli, esqueça mesmo a ideia de chegar lá de carro!

Nas áreas não sujeitas à ZTL, a chance de encontrar um estacionamento na rua é quase impossível. Além disso, os recepcionistas dos hotéis onde ficamos nos disseram que não era muito seguro deixar o carro em estacionamentos na rua.

Por isso, baseado sempre no local onde nos hospedaríamos, sempre escolhemos um estacionamento pago. Se você usar o Waze ou outro aplicativo para viagem, ele indicará facilmente o estacionamento mais próximo. Senão pergunte ao seu hotel.

Cidades próximas para quem não quer se hospedar em Nápoles

Muitas pessoas têm receito de ficar em Nápoles pela sua fama de ser uma cidade perigosa. Considerem que, em termos da violência, comparando com as grandes cidades brasileiras e do mundo afora, Nápoles com certeza não merece a má fama que tem.

Portanto para quem quiser evitar Nápoles (eu acho uma pena e aconselho dormir pelo menos uma noite na cidade!), a melhor opção é Sorrento, incluisive para quem quer fazer uma base que permita visitar Pompeia, Herculano e pegar ferries para visitar Capri, Positano e Amalfi.

Nápoles e Sorrento são duas cidades e dois modos de viver completamente diferentes. Considero Nápoles uma experiência mais genuína, e Sorrento um balneário charmoso, mais um tantinho turístico demais na alta temporada.

Algumas dicas de hospedagem em Sorrento

Índice

Passeios Guiados em ROMA

EXPLORE ROMA COM PASSEIOS GUIADOS EM PORTUGUÊS!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!